quarta-feira, 30 de setembro de 2009

ENQUETE - RESTAURAÇÃO DE CASAMENTO

O casamento tem se tornado aos olhos da sociedade como uma instituição falida.
Precisamos resgatar as nossas famílias.
Há uma sede de ser feliz dentro dos nossos lares


OMAR DIZ:

1 - Você acredita na restauração dos casamentos que vão mal ou que já foram destruídos?


DEUS É ESPECIALISTA EM TRANSFORMAR O MAL EM BEM!
SE JESUS ESTIVER NO BARCO, ÊLE NÃO AFUNDA!

2 - Como superar as crises?

OBEDECENDO A PALAVRA DE DEUS! VOLTA AO PRIMEIRO AMOR!

LEIA POR EXEMPLO O LIVRO DE NEEMIAS, QUE ENTENDERÁS.

1) É uma guerra, tem gente torcendo contra dentro e fora da cidade.
2) Buscaram os livros e fizeram conforme estava escrito.
3) Deram seu dinheiro para o Senhor, ofertas, dízimos e primícias.
4) Expulsaram os que eram impuros.

Fizeram o que tinha que ser feito! Doa a quem doer.


ANA PAULA
1 - Você acredita na restauração dos casamentos que vão mal ou que já foram destruídos?
R - Sim.

2 - Como superar as crises?
R - Em primeiro lugar temos que ter DEUS na nossa vida, em segundo acreditar que DEUS pode resturar, terceiro perdoar, ter amor, ter compreenção, dialogo e muita alegria.


TELMA DIZ:

1 - Você acredita na restauração dos casamentos que vão mal ou que já foram destruídos?
R: Eu creio e tenho vivido essa restauração. A cada dia existe a batalha e a vitória.

2 - Como superar as crises?
R: Creio que a cada dia vivemos uma batalha espiritual e assim é no casamento.
Superar com amor e oração.
Efésios 6:12 pois não é contra carne e sangue que temos que lutar, mas sim contra os principados, contra as potestades, conta os príncipes do mundo destas trevas, contra as hostes espirituais da iniqüidade nas regiões celestes.

IDELMA DIZ

1 - Você acredita na restauração dos casamentos que vão mal ou que já foram destruídos?
Sim,se ambos estiverem com o mesmo desejo,e centralizarem suas vidas em Jesus.
2 - Como superar as crises?
Procurando estar em comunhão entre si e em plena comunhão com Deus.

AND DIZ:
1 - Você acredita na restauração dos casamentos que vão mal ou que já foram destruídos?
Sinceramente? Só acredito que um casamento pode ser completamente resgatado se AMBOS quiserem.
Se um não quiser, será dificil.

2 - Como superar as crises?
Orando, buscando intimidade com o SENHOR, mudando o modo de falar, de pensar, de agir...

SONIA DIZ
1 - Você acredita na restauração dos casamentos que vão mal ou que já foram destruídos?
R: Sim. Se Deus ressuscita porque não restaurar?

2 - Como superar as crises?
R: Crendo que Deus é o único que fortalece; que o Espírito Santo é o único que transforma; que somente o amor tudo supera e tudo suporta; que não existe ninguém perfeito, que nada é imutável, com exceção do Senhor. Pois, “se quisermos a transformação de alguém ou das coisas, devemos experimentar primeiro promover o nosso aperfeiçoamento pessoal e realizar inovações no nosso próprio interior."

BIA DIZ:
1 - Você acredita na restauração dos casamentos que vão mal ou que já foram destruídos?
Eu acredito sim, pois eu sirvo a um Deus que move montanhas e ressuscita mortos que já estavam em fase de decomposição como Lázaro, portanto pra ele não a nada impossível. Sei também que num caso assim Deus faz sua parte se fizermos a nossa orando, buscando e fazendo nossa parte em ser uma mulher que faz a diferença e que alegra a marido. Se um casamento está destruído nunca é culpa só de um. De uma forma ou outra ambos erraram e deram brechas para o diabo, seja em falta de amor, rejeição, desatenção com o companheiro. .. Para um casamento se restaurar e preciso ação e não somente oração.

2 - Como superar as crises?
Tendo mundança de vida, de atitude, sendo confiante, positiva. Se uma mulher tem medo e não confia está permitindo que o diabo fale coisas negativas ao seu ouvido. O Senhor tem o melhor pra nós e não quer casamentos defeitos. Mas não depende só dele a restauração de um casamanto depende das atitudes do casal em deixar ou não o diabo falar as seus ouvidos e destruir a paz.

CLARICE DIZ

1 - Você acredita na restauração dos casamentos que vão mal ou que já foram destruídos?
ACREDITO, POIS SOU PROVA DISSO

2 - Como superar as crises?
NÃO GUARDANDO AS MÁGOAS DO DIA....NÃO RESPONDER NO MOMENTO DA RAIVA...TENDO CALMA E SABEDORIA.

ALEXANDRA DIZ:

1 - Você acredita na restauração dos casamentos que vão mal ou que já foram destruídos? Eu acho que existem relacionamentos que ainda possam ser salvos.. mas acredito que isso tem que ser diagnosticados no começo.. porque quando o problema aparece e não é solucionado ele vai se arrastando ao longo do tempo e vai desgastando o relacionamento e na maioria das vezes não se consegue mais salva-lo.


2 - Como superar as crises?

Com muito dialogo, amor, carinho, respeito, amizade.. Devemos deixar sempre bem claro para o conjuge o que nos incomoda, o que nos deixa triste, o que nos faz alegres enfim, devemos deixar claro sempre o que sentimos e não esperar que o outro " adivinhe " o que se pensa..

LUDOVIQUE DIZ:

1 - Você acredita na restauração dos casamentos que vão mal ou que já foram destruídos?

Sim, acridito na restauração quando as pessoas estão compremetidas em mudar e com vontade de ter um casamento melhor usando a sabedoria e o amor. Acima de tudo tem que haver o amor entre eles ou em uma delas a Palavra diz que é o êlo mais perfeito e eu ecredito no amor.

Com amor nós podemos conseguir restaurar casamentos destruidos e mudificar os que vão mal, porque é com o amor que se aprende a perdoar preserverar lutando com sabédoria.

Natuaralmente não é qualquer amor mas o amor de 1 Coríntios 13:4-7 e vrs.13.


2 - Como superar as crises?


As crises, feliz ou infelizmente existe no casamento de qualquer casal em diferente porporções naturalmente. O que importa na verdade é que não são as crises em sí na minha opinião mas sim como supera-las e como foram superadas.

E acredito que amor, a vontade e comprimisso de superar é fundamental para um casal sair dessa. É também importante que o casal se lembre por que se uniram e casaram o que realmente os motivou (evidentemente) por se amaram e para mim aqui é que esta basa da resolução do problema: o amor.

Na hora de querer superar a crise o casal deve exercitar o amor que deixou de ser praticado reativar a confiança, mudarem os hábitos que culmiram ou que provocaram a crise, e se esforçarem e fazer o bem e amar um ao outro.

Usando a sabedoria, acima de tudo de DEUS e ajuda de casadas cristãos maduros espiritualmente é também uma forma de ajudar superar a crise mas o casal deves estar compremetido e determindos a utrapassar e sofrer qualquer consequênci

DEUS te abençõe
Ludovique

IZABEL DIZ:

1 - Você acredita na restauração dos casamentos que vão mal ou que já foram destruídos

Continuo a acreditar que sim. Deus é o Deus do impossível e Ele é contra as separações e o divórcio.

2 - Como superar as crises

Temos de aguenatar bem forte as pressões do dia a dia, ter paciência e ser tolerante. É importante reconhecer que o outro não é como nós, pois não há ninguém igual e saber viver com essa pessoa.É procurar esquecer e perdoar as inustiças e justiças, as discussões.

É orar sempre e interceder e perserverar nas promessas de Deus

Você acredita na restauração dos casamentos Falidos?

O casamento tem se tornado aos olhos da sociedade como uma instituição
falida.

Precisamos resgatar as nossas famílias. Há uma sede de ser feliz dentro
dos nossos lares


Jesus conviveu com Pedro sabendo que ele o negaria. Nem por isso deixou de amá-lo com intensidade. Pedro teria que passar por uma restauração e nascer de novo. Logo após o novo nascimento, Pedro se transforma em um homem notável e cheio da unção do Espírito Santo.

Não devemos "engessar" pessoas achando que elas nunca vão mudar. Não houve, não há, nem nunca haverá homem que, diante do poder do Altíssimo, não estremeça a alma.
Deus tem todo o poder em suas mãos e não há nada que aconteça no universo oculto a seus olhos. Ele mesmo diz que o tempo é de restauração.

Você acredita na restauração dos casamentos que vão mal ou que já foram destruídos?
Sim, a família é projeto de Deus. Ele disse: “Deixará o homem, pai e mãe e unir-se-á a sua mulher e serão os dois uma só carne, e o que Deus uniu que não o separe o homem” e disse mais, ”odeio o divórcio”, “odeio a infidelidade”, mas veja, Ele não disse que odeia o divorciado, mas sim o divórcio. Além disso, os planos de Deus não podem ser frustrados, tudo o que o mal destruir ou macular poderá ser restaurado, ser refeito,veja o exemplo da natureza, Deus vai refazer tudo, veja também a questão da morte do corpo, Deus fará ressuscitar.Eu creio na ressurreição do casamento também. Agora, se o Senhor falou em divórcio é porque ele aconteceria, ele é uma possibilidade, e nós temos que trabalhar contra ele. A família não é um projeto falido, mas sim, as pessoas estão falidas por não conhecer o plano de Deus nesse sentido.
É bem verdade que alguns casamentos não são curados, mas veja que não foram tratados a tempo, não trouxeram Jesus para dentro do relacionamento e outra coisa, não dá para querer viver de milagres de restauração, mas que o milagre seja feito em nós, com correção de atitudes, com autocrítica, com sede de ser melhor para o outro, e sempre lembrando que tudo que eu fizer de bem para ele é para mim mesma que estarei fazendo.
Como superar as crises?
Veja bem , quando Deus olhou o Adão sozinho logo disse: “Não é bom, vou fazer uma companheira para ele”, como quem diz” quando ele tiver uma companheira, será bom.”.Então, penso que o projeto para o casamento é de que ele seja algo bom para os dois e em sendo bom para os dois, que se multiplique, que venham os filhos. Agora, quem se casa ou se candidata ao casamento é preciso entender que ele exige renúncia, paciência, investimento, e principalmente a presença de Jesus.Você quer ver uma coisa, o quanto que gastamos com literatura sobre o casamento, o que nós fazemos de bom juntos, quantas vezes saímos de mãos dadas com o marido, quantos filmes interessantes sobre casamentos buscamos assistir, de quantas palestras ou seminários sobre o tema participamos, entendeu, não investimos e queremos que funcione.
O problema se dá quando as pessoas colocam o casamento no piloto automático e acham que vai dar certo de qualquer maneira, e as coisas de relacionamentos não são assim.
Não é como aquele peixinho do aquário, o beta, que você de manhã coloca três bolinhas de ração e depois é só no dia seguinte, não exige relacionamento, não cobra e não reclama.
É preciso prever as necessidades do outro e depois prover.
Sabe aquela historia do casal com quase sessenta anos de casados e alguém pergunta ao velhinho: - Como você conseguiu viver com ela tanto tempo assim? E ele responde: -Sabe, o bico do pão é a parte que eu mais gosto , mas toda manhã dou a ela esse pedaço. Perguntada a velhinha respondeu: -Pois é, sabe aquela ponta do pão, o bico do pão, esse é o pedaço que eu menos gosto do pão e todo dia ele me oferece e eu como. Então é isso, os casais precisam aprender a ceder, a pensar no outro, é preciso esquecer esse modismo de individualidade e pensar mais na mutualidade, é preciso cuidar do outro, se interessar por ele, é preciso ser uma testemunha da sua vida, é querer ver o outro bem, feliz, é se sacrificar se necessário for para que isso aconteça. A individualidade tem o seu lugar, mas é bem pequeno. É preciso entender de uma vez por todas que nós não casamos com anjos, dê uma olhadinha no seu marido, vê se ele tem asas, pois é, não tem! Ele ainda é imperfeito e já errou.
Está errando agora e vai errar de novo. Suportar ao outro, esse é o segredo, e suportar significa dar suporte para que o outro se levante ou se mantenha em pé, é sustentar por algum tempo.
Há momentos que somos azedos, ninguém é doce o tempo todo, mas isso passa, somos imperfeitos ainda, mas que sabemos disso e não nos acomodamos, mas sim, buscamos ser melhor a cada dia.
Não posso perguntar se o outro é a pessoa certa para mim, mas se eu sou o melhor para ele.

terça-feira, 29 de setembro de 2009

MINHA REALIDADE - NOVOS DESAFIOS



"Eis que Deus é a minha salvação; nele confiarei, e não temerei, porque o Senhor Deus é a minha força e o meucântico, e se tornou a minha salvação" (Isaías 12:2).



Ter Sempre em mente que Meu proposito é a Restauração de tudo que Perdir

MINHA REALIDADE - NOVOS DESAFIOS QUE DEUS ME DEU


NASCEU O FILHO DO MEU MARIDO COM A OUTRA MULHER CHAMA-SE ARTUR


Acordo e penso que tudo é apenas um sonho ou um pesadelo...
Não... não ... é minha realidade... e tenho que enfrenta-la da melhor maneira possivel.
Gente é dificil são sentimentos que não tem nos livros, os cientistas ainda não deram nome... mais eu os Sintos...
Dói muito na ALMA e a Dor inimaginável....
Estou me sentindo muito mal uma dor na alma...
Não consigo me sentir bem..feliz..alegre.. (Senhor renove minhas forças e enche-me de animo)

Estou com muito mal estar...dor de cabeça direto já faz 7 dias essa dor.
Eu já o perdoei... mas o diabo fica colocando coisas na minha cabeça para eu ficar triste.
Ele foi assistir o nascimento do filho com a outra e disse que não a viu. Portanto voltou no dia seguinte para a visita, viu ela e a criança. Disse que não sentiu nada por ela. Que foi como uma amiga que teve filho e que ele foi visitar... a coisa estranha é que o filho é meu..ele disse... quer que nossas filhas convivam com o bebe....
Ele liga todo dia pra ela pra saber do bebê.. disse que o nenê é sussegadinho não dá trabalho é bem bonitinho... gente isso me mata esse vinculo eterno que eles terão, me pergunto sempre a Deus PORQUE o Filho? e tinha que ser homem? ( eu tenho 2 meninas, porque Deus não me deu?) se fosse meu filho ele poderia acompanhar o crescimento agora ele só vai acompanhar de longe... Por Que Meu Deus???


Não sei o propósito de Deus em tudo isto! Mais creio nas promessas dele para restauração do meu casamento.


Minha filha mais velha foi conhece-los... (a outra e o bebe)
Agora amanhã ele quer ir visita-los e me disse que ela agora voltou a morar sozinha na antiga casa que morava com o marido dela.
Fala se não é pra pessoa enlouquecer... como ele vai visitar a amante que mora sozinha e eu como fico nessa situação?
Perguntei sobre recaídas... que eu não vou suportar passar por isso novamente.
Ele me disse que fez uma escolha que era Eu e não Ela.
Porque se ele quizesse estaria com ela. Pra mim não me preocupar que ele não quer mais ela.
Gente eles tiveram caso por 3 anos terminavam e não conseguiam ficar separados e voltavam.
Mas agora eu devo acreditar que acabou? Que nunca mais ele vai me trair?
Que ele é um marido amoroso e Fiel?

Vou vivendo um dia de cada vez ..até Deus afasta-los de vez em nome de Jesus..

Essa Mulher vai morar em outro Pais, Vai ser promovida ..vai ser abençoada por lá.
Bem longe do meu marido....

Minha luta não é contra eles mais contra a Pomba gira e o diabo e os seus, mas essa Batalha é do Senhor e a Vitória é Minha.
OBS. Ele me ligou agora só pra dizer “ Rô Eu Te Amo”



MINHA ORAÇÃO


Tu disseste que felizes são os que crêem sem ter visto.
Dá-me a graça de crer, mesmo nos momentos em que não vejo caminho ou solução, reconhecendo que Tu és o caminho e a solução, sempre!


Senhor, faze que minha fé seja forte.
Que eu possa caminhar sobre águas revoltas e em Teu Nome eu possa remover montanhas; dá-me a fé que não vacila, que é garantia de vida eterna e que proclama Teu poder, agindo, curando e libertando.


Que eu não tema a oposição daqueles que contestam a fé, a atacam, a recusam e a negam; mas que minha fé se fortifique na experiência íntima da verdade, que ela resista ao desgaste da crítica, que ela ultrapasse as dificuldades cotidianas.
Dá-me a cada dia a graça de pronunciar Teu Nome com a fé que não só alimenta minha esperança, mas que já vê acontecer; que é poder.
Que eu permaneça com os olhos fixos no Teu coração transpassado, para que, Te vendo, eu receba a salvação e a anuncie a todos.Senhor



CONFESSANDO AS PROMESSAS DE DEUS PARA MEU MARIDO

O caminho do MEU MARIDO está cercado por uma cerca de espinhos e em volta dele o Senhor levantou um muro de sebe e com tochas de fogo para que ele não encontre os seus caminhos, e toda mulher que esteja interessada nele perderá o interesse e o deixará, pois esta escrito na palavra de Deus o que Deus ajuntou não separe o homem.



Eu te agradeço Senhor por ouvir a minha oração.



Meu marido o seu caminho esta cercado por uma cerca de espinhos e um muro de sebe, e com o fogo consumidor do nosso Deus para que tu não encontre os teus caminhos. Irás atrás das suas amantes mas não as acharás, e buscala-as mas não as acharás, então Tu dirás: Ir miei e tornar-me-ei a minha primeira esposa, porque melhor ia então do que agora.


MEU MARIDO não se desvie para os caminhos da Prostituta o teu coração, pois como ribeiros de Aguas assim é o O TEU CORAÇÃO NAS MAOS DO SENHOR, que o inclina a todo o seu querer. Não te deixes perder no caminho da mulher adultera, por que a muitos feridos derrubou, e são muitíssimos os que por causa dela foram mortos.

A sua casa é o caminho do inferno que desce para as camaras da morte.


Cova profunda é a boca das mulheres estranhas, aquele contra quem o Senhor se irar cairá nela.Porque cova profunda é a prostituta e poço estreito a estranha. ( Pv 7.21-23).


MEU MARIDO guarda o mandamento do Senhor e não experimentarás nenhum mal, e o coração do sábio discernirá a tempo e modo. ( Ec 8.5).



O MEU MARIDO ENcontrou benevolência do Senhor pois ele me achou, a mulher da sua aliança uma coisa boa. ( Pv 18.22)



Há muitos propósitos no coração do MEU MARIDO, mas o desígnio do Senhor permanecerá. ( Pv 19.21).


Eu confio na palavra do Senhor, porque ele é pura e um escudo para mim. (Pv 30.5).



O Senhor me colocara em alto retiro pois eu confio nEle.( Pv 29.25).


A minha família é bendita do Senhor, e todos reconheceram. Is 61.9


Em lugar da minha vergonha Eu terei dupla honra, e no lugar da afronta exultará a minha herança, por isso eu possuirei o dobro e eu terei perpetua alegria. ( Is 61.7)



Espírito do Senhor está sobre mim, porque o Senhor me ungiu para pregar as boas novas aos quebrantados,enviou-me a curar os quebrantados de coração, e a proclamar a libertação aos cativos e por em liberdade is algemados. Is 61.1Eu tenho o favor de Deus aonde quer que eu vá.


Eu tenho um coração alegre, ele serve de bom remédio. (Pv 17.22)


Eu amo o Senhor, eu amo buscar Senhor pelas madrugadas, por isso Ele me ama e eu serei achada nEle. ( Pv 8.17).



"Eis que Deus é a minha salvação; nele confiarei, e não temerei,porque o Senhor Deus é a minha força e o meucântico, e se tornou a minha salvação" (Isaías 12:2).
Até que ponto temos mantido a tranquilidade diante dascircunstâncias difíceis que enfrentamos neste mundo? Temos dominado a ansiedade, aguardando com alegria e paciência asorientações do Senhor, aceitando Suas decisões como o que demelhor poderia acontecer em nossas vidas ou ainda nosmostramos apressados, buscando nossa própria vontade, mesmoque venhamos a nos arrepender por atitudes equivocadas?


Temos sido cristãos apenas da boca para fora ou o nossocoração confia realmente em Cristo como Senhor de nossasvidas? Como filhos de Deus, temos obedecido à Sua Palavra oua buscamos apenas quando estamos em apuros e precisando deum socorro urgente?


Quando o Senhor está em nosso coração, experimentamos calmanas horas boas e más, na tranquilidade de um dia ensolaradoe sob as fortes intempéries da vida, nos momentos deabundância e também de grande carências.



O que faz a diferença é Deus. Nada mais importa se eu ponhominha confiança nEle.

Uma coisa tenho aprendido ... é que quando o meu coração está nas mãos de Deus, posso repousar sabendo que Ele me dará sabedoria para usar o pouco ou o muito de dinheiro que tenho da maneira que Ele tem planejado para a minha vida ... com confiança que nada me faltará ou com sabedoria em saber usar para a Sua glória.A nossa herança está no Senhor. Somos ricas, pois somos filhas do Rei. A Sua Palavra nos conforta quando diz ...


"O Senhor é a porção da minha herança ..." (Salmo 16:5).

"O Senhor conhece os dias dos retos, e a sua herança permanecerá para sempre" (Salmo 37:18).


CONSELHOS E OPINIÕES


AND DIZ

Sinceramente?
Essa batalha esta é mais na sua ideia ... dessa vez, acho que nem o diabo tem mais a ver com a hitoria
É voce quem não perdoa
É voce quem nao quer confiar
É voce que nao se abre pra viver uma vida nova
É voce que acusa seu marido
É voce que nao sabe ser uma "diva", uma mulher de glamour que enfrente a situação
É voce quem joga as coisas na cara do marido
É voce que se fecha e nao deixa seu marido te fazer feliz novamente.

É voce, e nao o diabo.

Entao minha querida, se quer MESMO que as coisas mudem, MUDE A SUA MENTE. E pare de querer lutar contra seu marido e a outra mulher. Alias, ela NAO é mais a amante dele. Páre de chama-la de amante. Chame-a pelo NOME dela.

Voce tem tudo pra ter a situação modificada, mas é VOCE quem se afunda cada vez mais.

Voce ja esta cansada de ouvir que as Palavras tem Poder. Voce esta cansada de saber que é VOCE quem precisa mudar seu modo de ver as coisas, mas é Voce mesma que NAO QUER.

E nao quer mesmo ! Voce se faz de coitadinha, vive choramingando, mas nao quer reagir e tomar uma atitude que poderá mudar toda a sua história.

Tudo o que voce quer é que as pessoas sintam pena de voce e passem a mao da sua cabeça concordando com sua atitude.

Pode ser que muitas façam isso, mas eu nao irei fazer. Nao faço porque? Porque as pessoas que passam a mao na sua cabeça nao querem que voce mude. Passar a mao na cabeça é reconhecer que voce é coitadinha e isso só te coloca numa posição de coitadinha te fazendo perder as forças pra lutar.

Voce nao é coitadinha. Voce nao é digna de pena. Nao somos.

Voce esta acomodadíssima com a sua situação de vitima e pena que nao quer sair daí. É mais confortavel pra voce se sentir coitadinha, choraminhar e ter as pessoas se lamuriando com voce, do que voce realmente se levantar e tomar uma atitude de verdade.

Ter Atitudes não é pra gente covarde. Ter atitude são apenas para os corajosos, que querem realmente mudar e que sabem o que estao enfrentando, e enfrentam com determinação.

Pare de pedir que O Senhor afasta-os. Pare de desejar qualquer coisa para eles. Deseja apenas que o SENHOR te de CORAGEM pra se erguer e tomar atitudes POSITIVAS diante de toda essa situaçao.

Deixe de ser coitadinha.
Deixe de reclamar
Deixe de choramingar
Deixe de desejar coisas ruins, de ter pensamentos ruins.

ACREDITE no seu marido. Perdoe-o. E isso só voce pode fazer. Nao é DEUS que vai fazer por voce.

Voce tera que fazer. Mas só fara isso quando aprender que voce nao é coitadinha e aprender que voce precisa ter coragem pra mudar seus pensamentos.

Voce PODE mudar seus pensamentos, mas voce NAO QUER. Essa é a diferença

E isso nada tem a ver com pombagira, e o diabo que for. Tem a ver com sua ATITUDE.

Sinceramente eu me canso dessa situação. Quando a pessoa nao quer, nao tem Deus que resolva.

Outra coisa que voce precisa ver Rosangela..
se ele disse que escolheu ficar com voce, é porque quer mesmo.
Porque se eu estivesse no lugar dele, eu nao suportaria ficar com voce. Só ficaria se eu realmente te amasse.
Entre uma amante que me dá prazer, que tem um filho meu, e entre uma mulher rixosa, que nao sabe perdoar, só vive se lamuriando, jogando coisas na cara, eu escolheria com certeza a amante.
Só se houvesse MUITO AMOR MESMO, que ficaria com uma mulher rixosa.

Pense bem nisso. Pra ele te aturar, deve te amar muito mesmo. Porque ele poderia de deixar simplesmente e ficar com a outra mulher que dá a ele o que voce nao esta dando. Mas escolheu VOCE. Porque sera?

E vc ainda diz que nao confia nele..... ai ai... Realmente, voce esta dando seu marido de bandeija pra outra mulher.

Quando ele realmente te deixar e ficar com a outra, nao reclame.

KATIA DIZ

Rosangela, realmente não é fácil simplesmente esquecer tudo queaconteceu no seu passado, ainda mais qd o passado se fez tão presentecom o nascimento do bebê.

Claro que o diabo vai usar de todas as artimanhas pra te enlouquecer,mas pra isso ele não precisa da outra mulher, ele precisa somente usarvc mesma, creio que a maior luta não é contra essa mulher, pq elaficou no passado mesmo, mas sim contra vc, o seu velho homem é seumaior inimigo, ele quer se levantar juntamente com o passado que ficoulá trás, ficou lá trás sim, pq seu marido assim se decidiu, mas épreciso que vc também o mantenha somente no passado.Parece impossivel se sentir em paz, feliz, sabendo que seu marido foivisitar o filho, mas veja que ele não foi visitar a mulher, sim omenino, se torna impossivel qd vc deposita sua confiança no marido,mas não é nele que vc precisa confiar, mas sim no Senhor, que é fiel ejusto para com sua vida, e tenha certeza que não existe nada em ocultoque ele não venha lhe revelar, mas pra isso vc precisa confiar nele,tenha certeza que assim vc vai sentir essa paz que somente o Senhorpode dar neste momento, que é sim dolorido demais, não tem como fazerde conta que nada está acontecendo, mas tem como modificar toda essasituação, e isso é confiando no Senhor, não é em vc, em suas forças,nem em seu marido, mas no Senhor, nEle está sua vitória, o seudescanso , e nEle que renovará suas forças, e terá sabedoria osuficiente para levar esta situação adiante.Qt ele ir visitar o filho, converse com ele, sem brigar, explique quevc n impedirá q ele visite o bb,. mas que não gostaria que elaestivesse sozinha, que n fica bem, q vc não se sente confortável, quemsabe ele pode levar sua filha, tentem entrar em acordo.


Omar diz

Querida, eu vejo como uma vitória em Jesus!
Fico feliz, porque quando orei entregando estes homens a satanás, tive muito temor e tremor!
Minha alegria é que escolheram aquelas que estão entregando o seu sofrimento aos pés de Jesus
E Êle não vai decepcionar voces!
É impossível minimizar a dor na alma que deves testar sentindo, mas quero te consolar com a lembrança de que


Bendito seja o Deus e Pai de nosso Senhor Jesus Cristo, o
Pai das misericórdias e o Deus de toda a consolação; Que nos consola em toda a
nossa tribulação, para que também possamos consolar os que estiverem em alguma
tribulação, com a consolação com que nós mesmos somos consolados por Deus.


Complicado?
Teu sofrimento presente servirá para abençoar a muitas pessoas! QUE O SENHOR PROSPERE O TEU LAR!



LIZ DIZ

Rô, não tenho tanta intimidade p/ falar como a And, mas eu concordo com ela.

Sei que falar é muito fácil, quando a gente não tá vivendo a situação ou algo parecido... mas às vezes, quem está de fora consegue analizar melhor a situação, e diante de tudo que já li sobre essa situação, minha querida, a questão agora é vocÊ se posicionar, não lembre a ele o que vc gostaria que ele esquecesse. Seja mesmo uma DIVA, uma melhor pra cima, mesmo que por dentro vc esteja ferida... a ferida não cicatriza quando a gente a cutuca toda hora... vc pode chorar aqui conosco, pode chorar p/ Deus, mas diante dessa situação e perante ao seu marido, seja inteligente... se arrume p/ vc... faça coisas que vc gosta... dê ao seu marido o que ele precisa e faça muito mais... não dÊ a chance dele pisar na bola novamente. Se você o ama e não quer perdê-lo, lute! Faça o que for necessário... dê esse voto de confiança, isso é muito importante para ele.
Não existe coisa pior que as pessoas nos fazerem lembrar do que queremos esquecer e pior ainda é vc dizer que perdoa, mas toda vez que tem a chance joga na cara.

Existem coisas que o tempo é ainda o melhor remédio, mas isso só acontece, se a gente tomar posição e não ficar lembrando e remoendo o passado o tempo todo... e isso eu falo por experiência!!

Conte conosco!

Lily, falo pra vc a mesma coisa:

"se a gente tomar posição e não ficar lembrando e remoendo o passado o tempo todo"


IDELMA DIZ:Então Rô aproveite, porque ninguém sai por aí dizendo eu te amo. Tente pensar só nisso que ele está com voce porque quer. Que motivos ele teria para estar ao seu lado, se ao lado da outra ele tem um filho? Isso minha irmã só pode ser amor, tentações todos nós passamos todos os dias de diversas formas, mas Deus é pela FAMILIA,e a tua vida e a vida das tuas filhas é ao lado do seu esposo, poruqe Deus te colocou na vida dele primeiro e tenho certeza que isso jamais aconteceria se não fosse da vontade de Deus.A vitória ´ja é sua porque Deus assim deseja e assim será. Um abraço. Sei que deve estar sendo muito dificil mas continue lutando e confiando, beijos.


MIRIAM DIZ:
Amada....além de todos os conselhos das irmãs em Cristo.....digo tb para vc ser aquela mulher muito especial para ele.....Qdo ele chega em casa.....vc há de recebê-lo como um representante de JESUS em seu lar .....E sempre pense assim;Como eu recebo Jesus em meu lar?Com alegria, feliz, sem murmurar....( questionar...vc vai questionar com Jesus, mas não com ele...),....com um jantar especial...., mesa bem posta, cama perfurmada, flores em sua casa...., não precisa ser cara, mas pelo menos algo para alegrar o ambiente....tudo arrumadinho....., pessa aas crianças para ajudá-la e não deixar brinquedos e roupas, sapatos espalhjados. Tente deixar o lugar muito agradável.....e convidativo para quem trabalhou o dia todo e quer sentir paz. Coloque durante o dia ...louvor nos ambientes bem baixo....e deixe tocando. Caso ele goste de louvor, deixe tb qdo ele chegar ...mas baixo.E faça massagens nele.....Se ele chega cansado....tire o sapato.....faça massaginhas nos pés......e vá orando enquanto isto ...nele....ore nele. Qdo ele dorme ..ore na cabeça dele, repreenda todo espirito de pombagíria, de jezebel etc. Peça para o Es Santo preencher o vazio deixado nele....Unja seu quarto, sua casa toda....as roupas dele...., Peça par algum pastor ungir o azeite e faça comida com azeite ungido.Vc tem que lutar com as armas de Deus ....que derrota todo inimigo.A Paz...escreva contando como vc está se sentindo hoje. Jesus está ao seu lado amada.bjs

TELMA DIZ


Eu aprendi a ficar mais calada, eu antes agia como você Rõ, mas hoje procuro agradá-lo, e ele muitas vezes me falou, "se eu venho pra casa, você fala, se eu saio você fala!"


Inclusive, ontem uma irmã falou comigo assim, Telma ore para Deus dá essa moça que tem um filho com seu esposo, um casamento, um bom homem pra ela, e que ele crie seu filho.
O que vocês acham?

Rô, experiência de cadeira, não fique repetindo as coisas que aconteceram, pois entristece o seu coração, acontecia comigo.
Sei que é doloroso na alma sim, pois sentir como você!
Eu tinha que me dedicar ao meu bêbe Thiago e a Flavio de 06, porque não tinha trabalho e tinha que arranjar dinheiro, fiz curso de bijuteria, dei banca, coisas assim.
Procure ocupar sua mente e seu tempo com alguma coisa, pense coisas que gosta de fazer e que pode te distrair.
Deus está contigo amiga!





é amigaaaa, eu sei...se sei... mas já tô saindo do Egito...
por isso que eu digo que falar é fácil...a prática sempre nos atormenta... eu estava agora mesmo vendo o vídeo que a Faby enviou ontem sobre "derrotar o lobo"... isso é sériooooooooooo! kkkk
Fora os altos e baixos, estou indo bem... hehehe!


ROSANGELA

já falei com ele que não me sentiria confortavel com ela lá sozinha...

então por enquanto ele vai leva as minhas filhas e quando elas não quiserem ir...

qual a sugestão?

Gente ore por mim pra Deus me dÁ sabedoria ...

e não ser essa coitadinha e vitima que passo pra vocês...


kATIA DIZ:

Rosangela, mais importante que vc confiar nele é confiar no Senhor,acho que está ai a chave pra que se sinta em paz, confiar no Senhornos faz nos mantermos em paz, seguras mesmo diante de situaçõestumultuadas.Quando confiamos verdadeiramente nEle imediatamente sentimos paz, econsequetemente passamos por essas situações firmes na rocha!!


LILI DIZ

Confie! Confie!
Estarei orando para que Deus te dê sabedoria... vc não é coitadinha ... eu te vejo como uma pessoa que está ferida, mas que quer mto ser curada e está a procura de um remédio e de uma saída... isso vai passar!


AND DIZ

Rosangela, voce esta sendo coitadinha com vc mesma. é isso que vc nao pode fazer.
Tire essa ideia da sua cabeça. Enfie na sua cabeça que vc é uma diva, eleganteeeee... por favor
vc se sente um trapo e um farrapo porque vc QUER. Nao seja.
Tome a atitude de ser uma diva..
é dificil sim, MUITO, mas nao é impossivel e td depende de vc.
Do seu modo de falar, daquilo que vc permite ficar na sua mente.
Vc nao pode impedir que os pensamentos entrem, mas pode impedi-los de fazer morada...

Quando suas filhas nao forem, VAI VOCE mulher... caramba ! ACORDA ROSANGELAAAA

VOCE É A ESPOSA... entao vá com ele... Encare de frente essa situaçao

Seja maravilhosa, elegantérrimaaaaaaaa, mostra pra aquela mulher que o seu marido escolheu voce, porque vc é maravilhosaaaaaa....

é isso que vc precisa fazer. Vá com ele. Vai toda linda, super chique, sorridente, abrace seu marido, seja carinhosa com ela... voce vai matar qualquer esperança que ela tenha com seu marido.

Quando ela ve que vc esta feliz com seu marido ( mesmo que poder dentro nao esteja, demonstre por fora )... ela vai perder as esperanças...

É assim amiga... seja uma Diva. Coloca isso na sua cabeçaaaaa

ADRIANA DIZ:

Oi minha querida! Estamos passando mais ou menos pela mesma situação, mesmos sentimentos! Só quem passou ou está passando por isto consegue entender o quanto é dificil para nós, muitas vezes para outras pessoas parecem não ser tão complicados assim!

Mais o que mais dói em mim é este vinculo que vai ser para sempre.
Mais Deus tem me dado muita força e graça. Coisas que jamais imaginei que iria passar, Deus tem falado muito comigo, e estou aprendendo a ser mais intima com Deus, senti-lo mais perto de mim. Não sei o propósito de Deus em tudo isto! Mais creio nas promessas dele para restauração do meu casamento!A dor é muiiiito grande, pois como se não bastasse a dor da traição e ainda por cima um filho! Mais que bom poder compartilhar com você a mesma situação.


Mais lembre-se somos fortes, pois não é qualquer mulher que suporta
esta situação, esta prova! só o amor e a graça de Deus!

BjosAdriana


ANA

PENSA QUE É FÁCIL SER EU?????????? ?? VENHA PRA MINHA PELE QUERIDA....QUER TROCAR DE LUGAR?


Rô...De maneira alguma eu quis ser rude com você, e entendo que não é fácil passar peloque você tem passado. "Cada um sabe a alegria e a tristeza de ser único", você sabeas dores que tem enfrentado e o quanto dói, mas qdo nos permitimos nos vitimizar a tendencia é que estas dores só aumentem. Eu sempre disse (e continuo repetindo o que falei) pra minha mãe porque ela faz simo papel de vítima da vida. Eu sei que meu pai nunca foi flor que se cheirasse, traiu,agiu com violencia, tentou matá-la duas vezes, agredia minha irmã mais velha, mas ela sempre se colocou como vítima disso tudo, quando na verdade ela tinha outrasopções, ainda que mais dolorosas naquele momento, ela tinha outras escolhas.


Mas depois de 27 anos ela resolveu dar o basta, se separaram e foi qdo elaassumiu o papel de pobre coitada. Transferiu pra mim a responsabilidade de mudara vida dela e qdo eu me casei (com 21 anos) ela deixou bem claro que estava frustrada por eu ter "deixado ela na mão". Mesmo hj ela pensa assim e qdoeu disse que ela só ficou o tempo que ficou com ele pq quis ela não gostou. Elanão entendeu que eu quis dizer que cada um escolhe o que reconhece como melhorpra si. Ela achava que tentar esquecer cada gesto violento era melhor do que denunciá-lo,que ver a filha mais velha sair de casa aos 18 anos (pq não aguentava mais ser saco de pancadas) era melhor que se separar.


Enfim, hoje ela diz ter sido vítima do meu pai, mascá pra nós, depois que minha irmã estava crescidinha, ela poderia ter dado um pé no meu pai e ter ido viver a vida dela. Ou mesmo depois que eu cresci... Mas hojeela prefere atribuir toda a culpa da infelicidade dela a ele, e não reconhece que esta história poderia ser diferente.Me desculpe se eu não me fiz clara, mas você tem a chance de reescrever a tuahistória, de se redescobrir como a esposa mais feliz de SP. EU VEJO DIARIAMENTEo exemplo de alguém que conseguiu resgatar a confiança e o amor num casamentofracassado. A Célia (amiga de mtos anos da minha mãe) era casada a mais de20 anos qdo o marido da noite pro dia disse que estava indo embora pois a mulherque ele se relacionava a 3 anos estava esperando um filho dele. Foi um choque praela, mas ela permitiu que ele fosse e parou pra analisar onde ela estava errando.Ela colocou os filhos em primeiro lugar, largava o marido aos fins de semanapra ir pra casa da filha casada e morando em outra cidade; ela não cuidava dele comoesposa, nem como mulher, tinha muitos recalques e pudores desnecessários.Depois que ela viu onde poderia mudar, começou o "ataque". Correu atrás mesmo, fazia almoço diferente e levava no trabalho dele, esperava ele sair e chamava pra irao cinema, começou a seduzí-lo de várias formas diferentes, ao ponto de ir pra casaque ele estava morando com a outra e transarem na cama deles. Deixou de ladoantigos conceitos que ela tinha a respeito do que é ser submissa.


MUDOU!!! Quando o bebê nasceu, ela ficou juntinho dele no hospital, não arredou pé... ELE VOLTOU PRA CASA, e toda vez que ele tinha que visitar o bb ou levar algo, elaia juntinho. A casa que ele comprou pra outra e estava no nome dela, hj está no nomeda Célia. Se ele tem que pegar a menina pra passar o fim de semana com eles,ela cuida muito bem, trata como se fosse o filho de uma vizinha... não tem amorpor ela, mas tbm não reclama em nenhum momento. Outro dia, ela ainda disse:"filho, você precisa fazer um plano de saúde pra menina, ela já tem 1 ano e agora coma mãe desempregada, você precisa cuidar dela" pensa que foi por carinho a menina?NÃO!!!! Foi pra que a mãe não precisasse ligar 2 horas da manhã dizendo que afilha tá doente e ele tem que levá-la ao pronto socorro ou pagar uma consulta de emergencia.Qual a diferença entre a Célia e a minha mãe? A Célia lutou pelo que ela achavamelhor pra vida dela, foi atrás sem medo, esqueceu do que mta gente falava "traiçãonão tem perdão" e reconquistou o amor do marido. Minha mãe aceitou o quea vida estava impondo e não batalhou pela felicidade dela (e até mesmodos filhos).


Minha irmã já está no segundo casamento e com problemasseríssimos nesta área, pq? Pq teve uma base familiar doente! Adiantou ela se "sacrificar"pelos filhos???? Nãoooo!!! Ela diz que o sacrificio de 27 anos foi pelos filhos..... masserá que foi mesmo? Será que não foi por medo de encarar o que poderia acontecer?Você é bonita, bem resolvida, acabou de conquistar uma vitória sem igual naárea profissional, tem amigas que te querem bem, tem um DEUS que te dá a garantia de ter um lar feliz, você conseguiu o que muita gente não consegue:PERDOAR uma traição e aceitar o marido de volta. Não permita que as feridasque já te atingiram voltem a causar dores. Você fez uma escolha (a meu ver, correta)e encare sem medos, sem reservas, sem mágoas, sem culpas e desconfianças.


Você tem uma família linda (a foto de Barra Bonita não me deixa mentir), e vc escolheu batalhar por ela, então encare como a oportunidade impar de escreveruma outra história pra ela. Você não teve medo em escolher lutar pelo amor dele,então não se esconda nas feridas causadas por um erro dele!! E outra coisinha:ele percebeu a burrada que fez quando reatou com você não foi??? Tanto é assimque ele está com a mulher que ele ama!!


Como disse a AND, vc precisa "se achar mais",você é sim uma diva! Uma mulher que merece admiração, respeito, mas precisacomeçar por você mesma!


Desculpe se eu não me expressei da melhor maneira, tá?



ROSINEI DIZ

Rosangela,
Concordo com And e já falei isso pra vc ...
Mostre que ela perdeu o lugar e depois amiga: VOCE É A ESPOSA OFICIAL, caramba ...

Um dia ela vai ter que acordar e ver que foi um caso e nada mais ...

Eu tenho orado e feito um proposito para que a atual namoradinha que mora com o Cesar, reate o seu casamento e que ela volte pra sua cidade de origem. Antes com muito desespero, hoje na boa, crendo que o melhor será feito e se o melhor for ele longe então que assim seja apesar das minhas crises de desanimo (que a cada dia estão menores e menos frequentes).

Um maravilhoso consolo eu tenho e me da´forças acima do sobrenatural quando olho pras tristes circunstancias: TEM GENTE ORANDO POR MIM, TORDENDO POR MIM E QUERENDO O MELHOR PRA MIM ... mas pra que tudo isso tenha efeito eu tenho que querer e estou querendo e fazendo o que dá pra conseguir ...

Cara, vc é uma mulher bonita, com lindos olhos, inteligente, escreve bem pra caramba, advogada com OAB, o que a outra moça tem ou é? Nada, perto de você ... Absolutamente nada.

Voce tem o Ronaldo, suas filhas uma vida constituída ...

No dia que suas filhas não forem, vai vc, como uma lady ... nem que tenha que ficar na sala ...

mas ela saberá que vc esta lá, com O SEU MARIDO, SEU ESPOSO, SEU HOMEM ...

Seu de direito e de fato, perante os homens e perante Deus ...

Eu vejo por mim: o Cesar não é nada ... eu trabalho, logo me aposento, tenho um bom salario, EU COMPREI a minha casa com o fruto do meu trabalho (não com herança chantageada), recebi recentemente uma premiação pela primeira vez recebida por uma mulher aqui na empresa e no ano que vem vou faturar de novo pq ninguem me alcança mais na pontuação ... Cara eu sou A MULHER, A PESSOA, competente, honesta, forte, decidida, trabalhadora, limpinha, caprichosa ... e ele o que é?? nada

Vc tb ... é super maravilhosa, vc tem sustentado esta casa, vc tem suportado as amarguras e ta lá no trampo todo dia ... De onde vem esta força toda???

Para de sofrer. O Arthur não tem culpa, tadinho é só uma criança e não pode ser penalizado pelos erros dos marmanjos ...

Respira fundo e manda brasa ... O pior já passou ...

Conte conosco ...

Beijão


KLAUS DIZ
A paz do Senhor Jesus
Querida irmã em Cristo, quero lhe perguntar uma coisa e quero que reflita no seu interior, no profundo do seu coração. "-Cadê a pessoa que está aí dentro de você, que lutou muito e que agora é vencedora e que Deus já abençoou e que Ele quer ver feliz; que por várias vezes me mandou e-mails de coragem, de testemunhos, de força para viver, de fé em Jesus Cristo, de fé nas obras de milagres que Ele faz e continua fazendo nas restaurações de vida e de casamentos que você tem feito e ajudado através Dele????? Irmã, olhe para a terra que Deus lhe prometeu, olhe para as promessas que Deus tem para sua vida, olhe para a força e a ajuda que você deu para tantas pessoas aqui e veja o plano que Deus tem para sua vida, tudo isso não foi vontade sua , mas de Deus!!!! Sua família é PLANO DE DEUS!!! EDIFIQUE SUA CASA, esta é a ordem de Deus!!!
Levante sua cabeça, mire seu alvo em Jesus Cristo!!! Persevere naquilo que DEUS planejou para sua vida e esqueça a "dor de cabeça" !!!

Agora vou lhe falar como homem que sou. Sei e imagino tudo que se passa na sua cabeça, mas pergunte-se: "- Esses pensamentos e imaginações que tens , são de Deus???" Se não for minha irmã, ajoelhe-se e clame pela presença de Deus e do Espirito Santo , pois a palavra de Deus é bem clara sobre este assunto ""Resistir ao diabo e ele fugirá de vós"" .+ Minha irmã, falo como homem, não tente controlar seu marido, não tente aprisioná-lo, não tente cercá-lo ou prendê-lo, ele é o seu marido, pai de seus filhos, aquele que escolheu deixar pai e mãe para viver contigo e "SER FELIZ CONTIGO", essa escolha ele já fêz e está decidido!!!!!!
Seja amorosa com ele, não grudenta demais, tenha bons diálogos com ele, agrade nas coisas que ele gosta, mesmo que seja um tanto sacrificante para você, deixe as crianças com alguém de sua confiança e saia com ele de vez em quando, a sós para dar uma volta, conversar, renovar os votos de amor e fidelidade , fale das coisas que tem vontade de fazer na casa junto com ele e na intimidade também, prepare a comida que ele gosta.Tudo isso lhe fará uma mulher virtuosa e seu marido não terá motivos para coisas alheias; seja amiga, amante, esposa, faça ele feliz assim como você quer que ele a faça . Isso lhe parece muito difícil?
Tenho certeza que não, se você se firmar na rocha que é Jesus Cristo, verás a glória de Deus resplandecer diante de seus olhos e sei que um dia, quando estivermos na glória com Ele, você me dirá que Ele lhe ajudou em tudo, aliviou o seu fardo, pois a vitória já está posta em tuas mãos e Jesus já tirou as escamas que outrora estava em seus olhos e que assim como Paulo, comece a ver todas as coisas pelos olhos de Deus!!!
Espero que lhe ajude com meu ponto de vista nesta sua situação e desejo que Deus lhe abençoe muito e continue dando-lhe força, coragem, que aumente sua fé Nele e que sua família seja uma bênção nas mãos do nosso Senhor Jesus Cristo!!! CONTINUE, NÃO PARE ESTE SEU MINISTÉRIO, NÃO DESANIME, VEJA COM SEUS PRÓPRIOS OLHOS A TERRA QUE DEUS PROMETEU!!!!!!
Leia e medite : Apocalipse 21 todo e medite nos versículos 4 , 5 , 6 e 7 QUE O SENHOR JESUS SE FAÇA PRESENTE EM SUA VIDA!!! AMÉM


SONIA DIZ


Amigas, e ando com pouco tempo mas tenho acompanhado as provas que cada uma tem passado.
Eu tenho orado, mas neste instante me vi tocada de maneira especial para deixar algo à Rosangela.
Concordo com a And no contexto abaixo e acrescento.
A dor é passageira, mas a alegria pode ser para a vida inteira.
Vai depender do modo como administramos nossas atitudes.
Uma das motivações responsáveis pelo nosso sucesso e vitória é auto-estima, e esta não tem nada a ver com beleza
externa mas interna.
A nossa auto-estima precisa ser sempre alta e não baixa.
Assim, Rosangela eu quero te dizer que você deve a todo tempo apoiar seu esposo e estar sempre junto
Com ele em todos os momentos de visita a esta criança, por mais que seja difícil, a privilegiada é você,
pois humilhação maior está passando esta moça minha flor, sabe lá o que é “morrer de sede em frente ao mar”?
Sabe lá o que é recebê-lo junto com a esposa, toda linda e sorridente de braços com ele?
Submeta sua presença à ela, porque daqui a pouco quem vai pedir que ele não vá mais vê-los será ela mesma.
A situação tem que ser insuportável e insustentável para ela e não para você. O MARIDO É SEU.
Mostre isso à ela, até porque só o fato dele aparecer contigo, se é comigo eu iria querer morrer. É muito humihante.
Pois é linda, no seu lugar eu colocaria aquelas roupas que mais valorizassem o meu corpo, meus adornos,
Melhor calçado e dava uma mudada no visual (o cabelo é moldura do rosto), abria o meu melhor sorriso,
Embora com vontade de morder (rsrsrs), botava mel na voz e lindinha, até meu marido iria se espantar com a nova mulher.
Mulheres de Deus têm que estar preparadas para desafios e voltadas para resultados – positivos é claro.
Seja dinâmica, corajosa, intrépida, forte e sem perder a meiguice e candura.
Assim: “Fazes o possível para cantar e rir. Embora, com vontade de chorar, mas não deixe ninguém suspeitar.
Diante destas situações nunca te rebaixe e nem abaixe o seu olhar sequer, pois em meio a grandes lutas
Deves lembrar-te de que és MULHER”.
Talvez vc. ainda não tenha descoberto, mas existe um vulcão dentro de você: o libere em causa própria.
Deus está te sacudindo para você enxergue e faça algo em prol do seu casamento, INOVE, RENOVE E REMOVE
Velhas atitudes. Saia com eles da caverna. Deus te ungiu e te escolheu para ser coluna e vencedora.
OUSE princesa.
Bjs!



....e aparece no ceú um arco iris pra nos lembrar que o pior ja passou...A vida é assim, cheia se tempestades e arco iris....Temos de Acreditar sempre que as cores e a luz vao ganhar ás trevas.porque sempre que se


Acredita um milagre Acontece.


DEUS!

não sei o autor

segunda-feira, 28 de setembro de 2009

Traição: perdoar ou não?


Perdoar uma traição não é uma das coisas mais fáceis de fazer. É preciso gostar muito e acreditar que vale a pena investir na relação para que esse processo aconteça de verdade. Sim, é um processo e exige muita paciência da parte do traidor, assim como um enorme investimento de energia de ambos.

Em primeiro lugar, temos que saber o motivo da traição, o que fez com que o cônjuge procurasse ou simplesmente deixasse se envolver por outra pessoa mesmo estando compromissado com seu parceiro.

Muitos podem ser os motivos, mas nem por isso estou justificando o fato. Em geral o relacionamento já vem se desgastando há algum tempo e ambos não se dão conta disso, estão acomodados na rotina e convivência diária. Não percebem que, no fundo, o sentimento pelo outro está desgastado, enfraquecido, e não o alimentam. A vida sexual já não é como antes, a vida corrida e atribulada do dia-a-dia faz com que o casal quase não tenha tempo para si, distanciando-se cada vez mais; deixando de lado os momentos românticos e atitudes gostosas que um dia foram importantes na conquista de um pelo outro.

De repente alguém novo aparece, elogiando como você está vestida, reparando que cortou o cabelo, valorizando atitudes pequenas, interessado em sua vida, com um papo gostoso que flui, sem reparar em suas manias e defeitos. Difícil resistir, certo? Pois é aí que entra nossa consciência com o "superego" dizendo: "Não faça isso, você é casada (o)!", ou o "id" contrapondo: "Vá fundo, o que você tem a perder?". Podemos nos sentir atraídos por outras pessoas fora do casamento, mas temos a opção de nos deixar levar ou não por esse desejo, muitas vezes quase irresistível.

Bem, você caiu em tentação. Dá pra perdoar? Tudo depende...

Já presenciei várias histórias de casais que se aproximaram como nunca após um episódio de traição. Isso é possível quando, após a descoberta do fato, ambos se propõem a discutir profundamente sobre tudo que não está bom na relação, através de uma terapia de casal. Eles se comprometem a mudar, recomeçando o casamento. Sim, é um recomeço e requer muito trabalho até o traído voltar a sentir confiança em quem o traiu.

Um dos maiores problemas enfrentados pelos casais em crise é a falta de diálogo, o acúmulo de situações desagradáveis para ambos que não podem ser expressas pelo medo da reação do parceiro. O medo de magoar ou causar uma discussão indesejável acaba instalando o silêncio, que com o tempo só prejudica o casal. Não se fala do que não está bom, acumulam-se insatisfações e frustrações, o que pode dar margem à vontade de estar com alguém que não o frustre tanto.

Entender os motivos que levaram uma pessoa a trair provocará uma auto-avaliação de cada um na relação, e fará com que ambos assumam sua responsabilidade na manutenção do amor. É preciso alimentá-lo sempre!

Só cabe o perdão onde ainda existe amor e o arrependimento sincero de quem traiu. É possível reconstruir uma relação pautada em novos moldes de funcionamento, e em especial, num diálogo franco e atitudes transparentes.

Quem disse que é fácil manter um casamento feliz sem momentos de crise? O importante é saber superá-las e tirar o maior proveito para nosso crescimento.

Fonte - Dra. Marina

VERBOS A CONJUGAR NA SUA FAMÍLIA

VERBOS A CONJUGAR NA SUA FAMÍLIA

Para manter uma família ou um casamento saudável é preciso que, todos os dias, conjuguemos alguns verbos.
Alistei alguns abaixo, mas muitos outros poderiam ser acrescentados e lembrados.
Amar
Para mim este é o primeiro e mais importante verbo que devemos conjugar. Amar é um verbo de ação. Todos os dias temos que tomar a decisão de amar os filhos, pais e cônjuge. Nós temos que acordar, a cada dia e tomar a seguinte decisão: “a despeito das dificuldades do dia, eu vou decidir amar meu marido, (ou esposa), pai, mãe, filho.”Conjugue esse verbo beijando, abraçando, presenteando, elogiando, ajudando, passeando com seu cônjuge, pais e filhos.

Perdoar
É o segundo verbo mais importante. Se queremos construir um casamento e uma família ajustada e feliz é preciso conjugar o verbo perdoar. Jesus disse que deveríamos perdoar sempre. Perdoar é abrir mão da vingança. Perdoar não significa esquecer o que aconteceu, mas fazer com que ofensa cometida contra nós não tenha nenhum efeito sobre o relacionamento.
Compreender
Compreender é um verbo que nos levará a viver em harmonia com os membros de nossa família. Se o marido compreender que a esposa precisa de romantismo, como um peixe precisa de água, terá uma esposa feliz. Se por outro lado, esposas entenderem que o marido precisa ser respeitado e de realização sexual, tudo será melhor no casamento. Se pais compreenderem que os filhos passam por fases e filhos compreenderem as lutas e tensões que os pais vivem a família será mais saudável.
Adorar
Adorar a Deus em família é um verbo que está sendo esquecido pelas famílias nos dias de hoje. Adorar não é somente realizar o culto doméstico. Por exemplo, numa viagem, com o cônjuge ou filhos, ao contemplarem uma árvore frondosa, um riacho, reconheçam as maravilhas de Deus e citem um texto bíblico. É orar, com a família, antes e depois de uma viagem. Isso sem contar com a adoração, em família, aos domingos com outros crentes.
Divertir
Não parece, mas esse verbo é muito importante. Divertir em família é essencial para a saúde dos relacionamentos familiares. Brinque de dominó, uno, jogo da memória, pique-pega com seus filhos. Não faça da brincadeira uma competição. O importante não é ganhar, mas rirem juntos. Faça um piquenique com sua família no próximo feriado. Mas tem que ser um piquenique verdadeiro, com farofa, frango assado, toalha estendida no chão, cesta, etc. Você vai perceber que seus filhos nunca irão se esquecer desse dia.
Aceitar
Conjugue esse verbo é será feliz. Muitas das nossas infelicidades se originam da não aceitação do outro. Queremos que nosso cônjuge seja à nossa imagem e nossa semelhança. Aceite que seu marido jamais será organizado como você. Aceite sua esposa do jeitinho que ela é, com aquele insaciável desejo de ter muitos e muitos pares de sapato. Aceite seu filho do jeito que é. Talvez ele não queira ser um médico, como você deseja, mas será um homem ou mulher feliz. Alistei somente seis verbos. Com certeza muitos outros poderiam ser lembrados para construirmos uma família e um casamento saudável.

domingo, 27 de setembro de 2009

Fui traída, e agora? O que devo fazer?


A respostas não é fácil. A vingança, ou seja, trair em represália, é uma maneira de eliminar a culpa de seu marido. Você assumiria a culpa no lugar dele.
A vingança é um remédio para aliviar a consciência dele, mas um veneno para você mesmo. Trata-se de uma atitude previsível. Não sabendo o que fazer, faz igual e ainda pior, com o acréscimo da premeditação. Além disso, você acaba envolvendo o sentimento de um terceiro elemento no relacionamento. Já o perdão não é um artigo comum.
Não posso aconselhar. É sublime e exige superação e autocontrole.

Com o perdão, você não assume a culpa. Não termina como o vilão da história nem como a vitima.

Ao mesmo tempo, não vale eliminar a lembrança ruim, tem que tentar entende-la dentro do possível.

Perdoar não é apagar, é reconhecer os defeitos de cada um.

Assim, o relacionamento pode ficar ainda mais forte.

Não estou pedindo que ponha uma pedra no assunto.
È ele quem deverá recuperar sua confiança. Não é mais contigo

È ele que deve telefonar com freqüência do trabalho para dissipar a paranóia, que deve mostrar que foi apenas um temporal passageiro.

Você cumpriu sua parte, permitindo um voto de confiança, mas não pode ficar casmurra, acabrunhada como cão de rua. Seja receptivo. Não volte mais ao tema mesmo que ele venha com a força de uma sinusite. Nada de mendigar consolo. Assuma o orgulho de seu passado. Deixe que ele conduza o retorno do casal á lealdade. Ele terá que reconquistá-la.

Traição é o mesmo que deslealdade, infidelidade, a palavra por si mesmo já gera mal estar. A traição é a quebra de confiança. A traição é um ato de covardia pois nos apana de surpresa, despreparados. A covardia não avisa quando vai acontecer, ela é impiedosa em suas intenções, ela é violenta e cruel e pode até matar.
(salmos 55:12-14)
Não é fácil abordar esse assunto, não é fácil suportar a traição. Não é fácil ajudar quem foi traído. Não é fácil sequer ser ajudado nessa circunstancia.
Nosso Deus, porém decidiu nos mostrar que o sofrimento e a traição são degraus em nossa vida que devemos vencê-los. É indispensável que entendamos eu essa escada não foi posta para que desçamos os degrau, mas que ela foi colocada para que a subamos em direção a nossa vitoria, em encontro com Autor e consumador da nossa Fé.
As desilusões podem nos abater sim, mas nunca nos derrubar.
Jesus nos ensinou como suportar a dor da traição, substituindo a tristeza pela alegria
Porque o premio a ser alcançado é maior do que tudo que estamos enfrentando.

LICÕES DA TRAIÇÃO

1. O traidor sempre busca uma boa ocasião para levar a cabo sua traição.
2. O traidor conhece todos os seus passos, sabe de toda sua rotina. ele manipula as palavras, para tornar a traição ainda pior. o Traidor sabe ser frio e calculista.
3. O instrumento da traição sempre será um beijo - O beijo quer dá a idéia de " eu te amo"
o traidor sempre chega com ares de amigo, fingindo amizade e afeto, mas voce o conhece por isso vc fica sem defesas. Só uma pessoa intima pode beijar outra. não se beija qq um.

Ninguém por mai hábil que seja pode evitar a traição, mas podemos saber como reagir a ela.

Jesus deixou essa precioa lição para nós.

A vingança não nos pertence

Leia (deutronomio 32.35 / romano 12:20-21)

Você pode até dizer:"Eu não consigo agir assim..." por si mesmo vc realmente não conseguira

A nossa natureza humana nos trai a cada instante.
Nossa carne esta em constante luta contra o Espirito (galatas 5;17-23)

O OUTRO LADO DA TRAIÇÃO

Mas qual é o outro lado da traição?

os sofrimento que ela acarreta não são apenas dor.. há algo profundo que passamos

Leia ( 1 Pedro 1: 6-8)

Percebemos uma oportunidade para mudanças....

A PESSOA TRAIDA CARREGA A MARCA DA TRAIÇÃO...
UMA MARCA TÃO FORTE QUE FICOU ESTAMPADA EM SEU CORAÇÃO.


Com essa provação o Senhor quer desenvolver em nós o seu carater. mas se endurecermos nossos corações e não o ouvimos as circunstancias viram para nos quebrantar.

Leia ( 2 corintios 4:15-18)

Precisamos e podemos amar e abençoar mesmo aqueles que os traem e oferecer Perdão.

Isso é ser cristão. isso é crer na palavra de Deus.

A traição aconteceu, mas a obra maligna do diabo não prevalecerá.

Você não pode evitar ser traido, mas pode escolher nunca ser um traídor.

Nunca deixe a amargura destrui seu coração... Ame!! Perdoe!!!

O Amor traz - paz, alegria, confiança.. vontade de viver!!


Deus o Abençoe!!!



fonte:http://www.lagoinha.com/images/stories/img/pub/ebooks/pr_marcio/ebook_08.pdf

MULHER TRAIDA


Ninguém gosta de ser enganado, mas, dependendo do sexo da vítima, uma traição causa estragos diferentes. Hoje, tratarei do abalo que provoca na mulher. A dor que ela sente quando descobre que vem sendo traída pode assumir tal proporção que opera um profundo rasgo na alma. Para cicatrizar, essa ferida requer cuidados. É preciso respeitar a fragilidade do momento, enquanto se reconstitui o sentimento de inteireza, que fica profundamente abalado.

Num plano saudável e maduro, a mulher manifesta seu protesto junto ao homem e dialoga com ele. Ela não se precipita, dimensiona o significado e a gravidade da situação e decide sobre continuar ou não na relação. Dá ao homem a noção exata do que ele lhe causou, mas não se deixa avassalar, isto é, consegue ser continente para com sua própria dor e preserva a objetividade para lidar com o assunto com o necessário distanciamento. Quando se julga incapaz de filtrar a experiência com seus próprios recursos, busca ajuda profissional para processar a vivência e encontrar a conduta sensata para enfrentar os fatos. Uma mulher assim, equilibrada, está apoiada em um sólido autoconhecimento, ou reconhece a necessidade de ir ao encontro dessa modalidade de sustento para só então escolher o rumo que tomarão as suas ações.

Mas minha observação clínica tem revelado que, na maior parte das vezes, a mulher traída é devastada por sua dor, reduz-se à ferida que sofreu, como se nenhum outro aspecto de sua existência ficasse íntegro o suficiente para socorrê-la e ajudá-la a dar conta da situação. Ela não tem uma dor. A dor é que a tem.

Humilhada e desqualificada, pode tornarse uma expressão da miséria humana e, em paralelo, sem que o saiba, eleva o parceiro à posição de um juiz supremo, capaz de decidir sobre seu valor. Trocando em miúdos, pensa: "Se meu marido se interessa por outra, isso prova que não valho nada". A dor a impede de olhar o marido com crítica: não considera que pode haver algo de errado com ele - e não com ela. Pressupõe que, além de juiz, é confiável, sábio, e lhe confere o status de uma divindade capaz de decidir sobre sua absolvição ou condenação como mulher. Se ele a pretere, ela é condenada; se reafirma sua preferência por ela, é absolvida. Tudo se dá como se o interesse do homem tivesse o poder de conferir não só valor, mas a própria condição de existência à mulher: "Se o interesse dele premia outra, isto indica que, para ele, eu não sou, não existo. E, se não sou para ele, fica em questão minha existência como um todo".

Não! Você não existe apenas se e quando é vista, respeitada e escolhida por um homem. Você é - e isso não depende do olhar ou do julgamento de seu parceiro. Observe o caráter divino e a carga de expectativas que deposita sobre o homem que está ao seu lado, movida por esperanças, porém inconsciente de que, sendo um mero ser humano, ele não dá conta de fazer jus a tão grandiosa outorga. Se a merecesse, dificilmente a trairia.

É até possível que um comportamento sistemático de traição seja um dos sintomas de que algo não vai bem na união. Mas, se fosse esse o caso, o manejo do conflito deveria ser conduzido no interior da relação, não fora dela. O prazer do traidor é exercido no parque de diversões do caso extraconjugal, mas o que para ele talvez seja festa, alívio, compensação, para ela resulta em profundo ataque, a mais calhorda, a mais covarde forma de agressão.


Alberto Lima, psicoterapeuta de orientação junguiana, é professor-doutor em Psicologia Clínica e autor de O Pai e a Psique



sexta-feira, 25 de setembro de 2009

NASCE O FILHO


Hoje esta doendo muito, meu coração esta dolorido, estou xoxa, nasce o filho do meu marido com a Outra Mulher, ele teve a ousadia de dar o número do telefone da minha casa pra ela...

Uma mistura de sentimentos e frustrações ....tem dias que a gente está mais sensivel, fica remoendo, lembra de coisas que fazem a situação piorar.

ai vem aqueles pensamentos PORQUE VOCÊ FEZ ISSO COMIGO?

Nessa caminhada escorregar, cair, sofrer, desanimar, ficar triste, desistir, esmorecer ou qualquer outra coisa: Faz parte do processo, é normal somos humanos.

Então vou levantar, sacodi a poeira, lava o rosto e pronto, começa tudo de novo.

Estou entrando em outra fase do meu casamento preciso superar.

Que o Senhor Jesus, possa vir trabalhar no meu coração e trazer todo o entendimento necessário para que eu supere esta fase.

Ele se entregou novamente de cabeça em nosso casamento, mas eu sempre quero desenterrar o defunto.


Quero mudanças, creio nas promesssas de Deus para a Restauração do meu Casamento.


Meu maior aliado, Jesus Cristo que comprou esta batalha para mim.

Quando a Batalha é do Senhor a Vitoria é NOSSA!!!

Creio naquele que me fortalece e jamais Ele irá me abandonar

e Jesus mudou o quadro da minha vida:
Deus é o Deus do impossivel



"Eu Sei Que Meu Milagre Vai Chegar"

Jesus, Eu Confio em vós


MINHA AMADA MARLENE ME DISSE:
Imagino como tem sido difícil para você toda essa situação, mas não desanime, não desista. Você sabe que o amor de Deus é infinito e ele está com você durante toda essa aminhada.
Infelizmente é uma realidade que você tem que encarar, mas tenho certeza que com sua fé e seu amor por Cristo, você passará por esse processo fortalecida.

Fica bem, na paz do Senhor, que não nos desampara nunca!

Seja forte e tenta não maltratar seu marido, seja companheira dele, por mais difícil que seja.

AND ME DIZ:
miga
relaxa
Seja uma DIVA, mande um presente pro bebe.
Afinal, querendo ou nao, é seu enteado.
Seja uma rainha, glamourosa, elegante, mande um presentinho pro bebe, e mostre que vc esta POR CIMA dela


RO DIZ:
Acrescento mais ...
Quando for visitar com seu marido, chegue de braços dados, mãos dadas, olhar altivo, maquiagem da hora, salto alto e amor pra cá, amor prá lá, lembra amor quando nasceu nossa caçula ... blá, blá, lero, lero, nem que vc tenha que passar a noite no banheiro chorando mas pra moça ver que a relação acaba ali, no filho unicamente ...
Certo baby ... estaremos em prontidão por vc ...


Telma diz:
Rô tenha fé, minha amada, como te disse, quanto mais demonstrar que não gosta ou sente qualquer aversão será pior.
Eu pedi ao nosso grupo aqui, para orar por mim. E passei a ver a criança de outra maneira, gosto dele como de qualquer outra criança.
Deus te ajudará com certeza.

Bíblia de estudo da Mulher

Lamentações 5 - Derrame seu coração diante de Deus
Peça a Deus coragem.
Ele me disse:
O que eu posso fazer para melhorar sua situação?
Eu disse:
Nunca mais a veja ...
Deixa eu cuidar das coisas do Bebe tratar direto com ela.
E de 15 em 15 dias quando vc for ver o bebê eu vou junto.

Ele disse que iria pensar, no assunto

Telma
Rô, isso não vai acontecer, pois ele é o pai da criança.
Pode até ficar sem ver por muitos dias, mas ele com certeza vai visitar a criança.
É como as meninas disseram, você tem que ver se não vai aguentar e sofrer. Não é fácil, pois convivo com isso, a cerca de 06 anos, a cada visita meu coração fica preocupado, mas como disse aqui, eu tenho colocado meu esposo nas mãos de Deus, eu resolvi só confiar em Deus.

Infidelidade no Casamento: O Papel do Perdão


Perdoar o cônjuge infiel depende do sentimento ou de escolha racional? É algo instantâneo ou um processo?


Uma das dores emocionais mais devastadoras é a de ter sido traído pelo cônjuge. Isto porque quando se casa por amor o vínculo afetivo formado ao longo do namoro, noivado e casamento é muito forte e o nível de confiança depositado no cônjuge passa a ser um dos mais profundos nas relações humanas. Quando ocorre a infidelidade, quebra-se muita coisa e o perdão se faz necessário em algum momento no futuro. Vamos pensar sobre isto.
Qualquer pessoa, religiosa ou não, está sujeita à paixões afetivas. Quando ela é religiosa, o compromisso de fidelidade é assumido não só para com o cônjuge, mas para com Deus também. Ocorrendo adultério, além da quebra da fidelidade com o companheiro(a), ocorre também a quebra do relacionamento com Deus. Claudia Bruscagin, psicoterapeuta familiar, com doutorado em Psicologia Clínica pela PUC-SP e professora no Curso de Especialização em Terapia Familiar e de Casal do Núcleo de Família e Comunidade da PUC-SP, diz, no livro “Religiosidade e Psicoterapia”, Editora Roca, p.59 e 60, 2008: “No contexto religioso, a infidelidade parece denunciar uma falta de compromisso não somente com o casamento, mas também com Deus, com a religião e seus preceitos. Para o casal religioso, a reconstrução do relacionamento após um caso de infidelidade exige que não somente a dinâmica da relação seja revista, mas também a interação de cada um dos membros do casal com Deus, pois o perdão de Deus é tão importante quanto o perdão do cônjuge traído.”
Cada cônjuge tem um papel quanto ao perdão ao ocorrer a infidelidade. O do traído é oferecer o perdão, o do traidor é buscá-lo. Claudia comenta: “Ambos devem avaliar seu relacionamento e restaurar a relação, mudando o que erraram e acima de tudo perdoando verdadeiramente.” Mas o que é o perdão verdadeiro? Depende dos sentimentos? Depende de esquecer o fato?
É muito importante entender que o perdão cura a pessoa que perdoa. Viver ressentido é viver com a dor agarrada em você. A palavra “ressentimento” significa “re-sentir”, ou seja, sentir de novo. O perdão interrompe sentir a dor contínua. Quando você perdoa, a dor vai embora e você se sente melhor, mesmo que o perdão não possa produzir o restabelecimento do relacionamento interrompido pela quebra da fidelidade e confiabilidade na vida do casal. Claudia cita M. Pereyra, doutor em Psicologia (Argentina), autor de um livro sobre o perdão: “A única forma de curar a dor que não se cura por si mesma é o perdão à pessoa que o magoou. O perdão cura a memória ao trabalhar a mudança de pensamentos. Aquele que vive remoendo sua dor pode ser mais prisioneiro que o agressor e, ao perdoar, liberta-se da prisão.” (p.60)


Ainda citando Pereyra: “... perdoar não é passar por cima dos próprios sentimentos, ou simplesmente ‘dar a outra face’. É um processo longo e dolorido, pois é um ato voluntário de renúncia ao direito legítimo de estar ressentido, de julgar negativamente o ofensor ou agressor e demonstrar uma atitude de compaixão e generosidade para com ele, apesar de não merecer. Perdoar não é a negação dos sentimentos de mágoa, ira e rancor. É reconhecer os sentimentos e então escolher não agir por eles. Também significa que os maus sentimentos podem voltar e que talvez seja preciso perdoar mais de uma vez.” (p.60,61)


Diz-se que quem perdoa, esquece. Na verdade, quem perdoa genuinamente, primeiro lembra, analisa, desabafa a dor, depois trabalha para esquecer por decisão consciente de fazer isto.


Perdoar não é desculpar o erro da pessoa. Claudia explica: “A desculpa ocorre quando há a compreensão de que a pessoa não é culpada pelo que fez.” Você não desculpa no sentido de tirar a culpa, porque ela é real. Procura perdoar escolhendo fazer isto independente do sentimento porque “o perdão não é um sentimento, é uma escolha.” Escolha de não cultivar a mágoa contra a pessoa que machucou você. (p.61)


Há ritmo e estágios diferentes para cada um viver o processo de perdoar. Se alguém der um sôco no seu rosto, produzirá uma marca visível na pele. Pode sangrar, fica roxo, inchado, etc. e a cura desta pancada demora um tempo, se você perdoou o agressor ou não. Algo parecido ocorre no processo de cura da dor da “pancada” da traição. Claudia fala de estágios para se alcançar o perdão: mágoa, rancor, cura e reconciliação. O primeiro passo é reconhecer os sentimentos e assumi-los. Ela afirma que na fase de reconciliação em casos de infidelidade (ou outros) é importante que o cônjuge que traiu, se quiser seguir na reconciliação:
(1)Aceite sua responsabilidade pelo ocorrido;
(2)expresse sincero pesar e arrependimento;
(3)de alguma forma ofereça compensação conveniente;
(4)prometa não repetir a conduta, e
(5)peça perdão. (p.61)


Ela conclui: “Na reconciliação, quando possível, o ofendido convida a pessoa que o machucou de volta para sua vida. Se o outro vem honestamente, o amor pode atuar e juntos podem desenvolver um novo relacionamento. Esse estágio depende tanto da pessoa a ser perdoada quanto da que perdoa; às vezes a pessoa não volta e é preciso se curar sozinho.” (p.61)

quinta-feira, 24 de setembro de 2009

VAMOS? comportamentos que destroem os casamentos

AUTOR DAS 5 LINGUAGEM DO AMOR EM SP DIA 30 DE
SETEMBRO








Gary Chapman
30/09/2009
na Igreja Bíblica da Paz!!!


--------------------------------------------------------------------------------

No dia 30 de Setembro às 20h Dr. Gary Chapman estara na Igreja Bíblica da Paz e vai falar sobre os dez comportamentos que destroem os casamentos!!!

Aproveite a promoção:

Na compra de 1 ingresso no valor de R$20,00 ganhe o Livro Castelo de Cartas.

Ou pague R$ 5,00 e assista apenas a pregação.*
Na compra do ingresso de R$ 5,00 não será efetuada a trocar do ingresso pelo livro Castelo de Cartas.

30 de setembro às 20h – Castelo de Cartas
Rua Dona Santa Veloso, 575 – Vila Guilherme – São Paulo

Para participar ou para maiores informações ligue para (11) 2905-0120

DEBATE - Porque quando casamos beijamos menos?

BIA DIZ:
Porque será que depois que casamos beijamos menos?

No Namoro... era aqueles beeeeeeeijos no caminho de casa, aquele coração acelerado quando viamos um ao outro, aqueles abraços quentinhos que aqueciam até o coração, aquela vontaaade de casar logo, rsrs! E os beijos na chuva, inesplicáveis! rsrs!

Casar é muito bom mas meu tempo de namoro será sempre inesquecível.

IDELMA DIZ:
Oi Ro querida como vai?
Olha em certa ocasião assisti a palestra de um psicologo renomado (Ivan Capellato)onde o mesmo falava sobre sexualidade apos o casamento.
Ele afirma que quando nos casamos a forma mais usada pra nos relacionarmos é a sexual,(relação sexual)portanto fazemos "amor"todo dia e até mesmo mais de uma vez ao dia.
E consequentemente nos beijamos mais e trocamos mais caricias.
Com o passar dos dias aquele amor vai deixando a esfera mais carnal,e passamos a nos relacionar de outras formas.
Por exemplo: um casal de 80 anos sentados em frente a tv assistindo um filme,telejornal...estão fazendo "amor"entendeu???
Portanto talvez esteja ai a explicação ao seu questionamento.
Bj grande....fik com Deus!!!


AND DIZ:




Idelma, é isso mesmo.

Meu marido e eu fazemos "amor" quando jantamos juntos.
Quando conversamos na cama sobre nossa familia. Quando brincamos com nossos filhos
Quando nos abraçamos. Quando falamos palavras carinhosas...

Porque o sexo tem que ser só o ato sexual ( penetração ), e beijo?


A libido se estende em todo o corpo e nao só nos genitais. O problema é a cultura sabe? Crescemos achando que SEXO é apenas o ato com penetração.


Sexo é MUITO mas MUITO mais que isso.

Bjs

ANONIMO
Não resisto:

O homem casa pensando que a mulher vai continuar a mesma....

A mulher casa pensando que o homem vai mudar.

O que acontece é justamente o contrário!!!!


anônimo!

Kylvia dIZ:
Boa tarde Rosangêla,
Sobre a sua pergunta, se vc conseguir alguma resposta plausível, vc me passa tá, kkkkk.
Infelizmente eu não posso responder, mas também sinto saudades desses beijos.

Bjos,

Kylvia
"O Senhor é meu pastor e nada me faltará".

quarta-feira, 23 de setembro de 2009

O significado das doenças!!!

O significado das doenças!!!

Segundo a psicóloga Americana Louise L. Hay,

todas as doenças que temos são criadas por nós.

Afirma ela, que somos 100% responsáveis por tudo de
ruim que acontece no nosso organismo.



Todas as doenças têm origem num estado de não-perdão,

diz a psicóloga Americana Louise L. Hay.

Sempre que estamos doentes, necessitamos descobrir a
quem precisamos perdoar.


Quando estamos empacados num certo ponto, significa
que precisamos perdoar mais.


Pesar, tristeza, raiva e vingança são sentimentos que vieram de um espaço onde
não houve perdão. Perdoar dissolve o ressentimento.



A seguir, você vai conhecer uma relação de algumas doenças e suas prováveis causas, elaboradas pela psicóloga Louise. Reflita, vale a pena tentar evitá-las:

DOENÇAS / CAUSAS:

AMIDALITE: Emoções reprimidas, criatividade sufocada.
ANOREXIA: Ódio ao externo de si mesmo.
APENDICITE: Medo da vida. Bloqueio do fluxo do que é bom.
ARTERIOSCLEROSE: Resistência. Recusa em ver o bem..
ARTRITE: Crítica conservada por longo tempo.
ASMA: Sentimento contido, choro reprimido.
BRONQUITE: Ambiente familiar inflamado. Gritos, discussões.
CÂNCER: Mágoa profunda, tristezas mantidas por muito tempo.
COLESTEROL: Medo de aceitar a alegria.
DERRAME: Resistência. Rejeição à vida.
DIABETES: Tristeza profunda.
DIARRÉIA: Medo, rejeição, fuga.
DOR DE CABEÇA: Autocrítica, falta de auto-valorizaçã o.
DOR NOS JOELHOS: medo de recomeçar, medo de seguir em frente.Pessoas que procuram se apoiar nos outros.
ENXAQUECA: Raiva reprimida.. Pessoa perfeccionista.
FIBROMAS: Alimentar mágoas causadas pelo parceiro(a).
FRIGIDEZ: Medo. Negação do prazer.
GASTRITE: Incerteza profunda. Sensação de condenação.
HEMORRÓIDAS: Medo de prazos determinados. Raiva do passado.
HEPATITE: Raiva, ódio. Resistência a mudanças.
INSÔNIA: Medo, culpa.
LABIRINTITE: Medo de não estar no controle.
MENINGITE: Tumulto interior. Falta de apoio.
NÓDULOS: Ressentimento, frustração. Ego ferido.
PELE (ACNE): Individualidade ameaçada. Não aceitar a si mesmo.
PNEUMONIA: Desespero. Cansaço da vida
PRESSÃO ALTA: Problema emocional duradouro não resolvido.
PRESSÃO BAIXA: Falta de amor quando criança. Derrotismo.
PRISÃO DE VENTRE: Preso ao passado. Medo de não ter dinheiro suficiente.
PULMÕES: Medo de absorver a vida.
QUISTOS: Alimentar mágoa. Falsa evolução.
RESFRIADOS: Confusão mental, desordem, mágoas.
REUMATISMO: Sentir-se vitima.. Falta de amor. Amargura.
RINITE ALÉRGICA: Congestão emocional. Culpa, crença em perseguição.
RINS: medo da crítica, do fracasso, desapontamento.
SINUSITE: Irritação com pessoa próxima.
TIREÓIDE: Humilhação
TUMORES: Alimentar mágoas.. Acumular remorsos.
ÚLCERAS: Medo.. Crença de não ser bom o bastante.
VARIZES: Desencorajamento. Sentir-se sobrecarregado.

Curioso não? Por isso vamos tomar cuidado com os nossos sentimentos. ..

Principalmente daqueles, que escondemos de nós mesmos.
Quem esconde os sentimentos, retarda o crescimento da Alma'.



Remédios indicados:
Auto-estima, Perdão, Amor

De todos os homens que conheço o mais sensato é o meu alfaiate.
Cada vez que vou a ele, toma novamente as minhas medidas.
Quanto aos outros, tomam a medida apenas uma vez e pensam que seu julgamento é sempre do meu tamanho'
(George Bernard Shaw

PRIMAVERA



PRIMAVERA

TIM MAIA


Quando o inverno chegar
Eu quero estar junto a ti,
Pode o outono voltar
Que eu quero estar junto a ti.
E é primavera, te amo,
É primavera, te amo, meu amor.
Trago esta rosa
Para lhe dar,
Meu amor.
Hoje o céu está tão lindo,
Vai chuva!

Cumplicidade na vida a dois


Cumplicidade na vida a dois

Hoje eu estou mais romântica e carinhosa e daí resolvi falar de cumplicidade.


Ser cúmplice num casamento é a base para felicidade, é ajudar ao outro, compartilhar, serem íntimos um do outro.


Ser cúmplice é amar de verdade, não ter vergonha de chorar junto, ter coisas boas pra dividir, sair de mãos dadas, dormir abraçados, dividir a vida um com outro...


Deixe o brilho do amor se manifestar em seu casamento para que a cumplicidade seja algo visível.


Seja feliz!
por Bia

Ressentimento aniquila a alma

Ressentimento aniquila a alma.
É necessário saber perdoar



Você briga com uma pessoa que gosta ou, ainda, o ser querido faz uma brincadeira que a magoa. Passam horas, dias e você relembra dessa situação com tristeza e mágoa; em outras palavras, você ficou ressentida.

Cuidado com esse sentimento, pois ele pode levá-la a doenças.

De acordo com a psicóloga Eliana Maldonado, já na definição da palavra percebe-se que o sentimento é negativo. "É re-sentir, sentir novamente. É cultivar mágoas, decepções, tristezas. É estar sentindo uma dor que se foi e que só está presente na memória. É reviver um sofrimento que ficou para trás", explica. Há pessoas que têm mais tendência a guardar sentimentos ruins do que outras. A psicóloga explica que isso acontece porque lhes falta habilidade para contornar situações desagradáveis. "O ressentimento pode levar a doenças psicossomáticas, acarretando até mesmo uma séria depressão", ressalta. Para superar é necessário perceber que as outras pessoas só fazem aquilo que permitimos. Além disso, é necessário dividir as frustrações. "Cultivar o perdão e, se necessário, procurar a ajuda de um terapeuta para, ao se conhecer melhor, mudar onde se está errando, aprendendo a modificar sua reação frente à ação do outro", revela. O dramaturgo e poeta inglês William Shakespeare dizia que "guardar ressentimento é como tomar veneno e esperar que a outra pessoa morra". O que o autor quis dizer é que apenas a pessoa ressentida é que sofre com o problema e, além disso, se autoflagela. "Estar revivendo uma dor sentida outrora vai corroendo a alma, deixando os dias cinzentos, minando as forças e adoecendo o corpo. O outro nem se lembra mais o que fez, segue em frente, enquanto o ressentido vai se aniquilando, se destruindo, fica atado ao passado, deixa de viver", frisa a psicóloga. Eliana não aconselha ignorar o sentimento. Para ela, é necessário percebê-lo e vencê-lo. "Na vida não é possível fugir de momentos tristes, de erros, de incompreensões, de desavenças. O que é preciso é viver esses momentos e deixá-los passar, sem trazer de volta o que já foi", finaliza.

Arca Universal